Postado por Redação Créditopara.Vc, 14 de janeiro de 2021 - 18:05.

Adquirir um cartão de crédito é uma boa solução para dar aquela ajuda na saúde financeira, claro, pensando num bom uso. Mas em alguns casos, o valor da fatura das compras pode se tornar um vilão. E quando as contas não batem e o dinheiro não é suficiente para fazer o pagamento?

Algumas emissoras e bancos permitem o pagamento do valor mínimo da fatura, gerando o crédito rotativo e, consequentemente, juros a serem pagos além do que você tinha gastado em compras.

Confira um exemplo de como você pode fazer esse cálculo:

  1. Subtraia o montante total do valor mínimo pago. O resultado será a quantia que não foi paga e que volta como rotativo no próximo mês;

2. Com o valor do rotativo calculado, multiplique pela porcentagem referente aos juros. Aqui, você terá apenas o valor que será pago em juros;

3. Sobre esse valor, calcule o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) mensal e o diário, de 0,38% e 0,0082%, respectivamente;

4. Agora, basta somar os valores. O resultado deverá ser a quantia total a pagar no próximo mês.