Postado por Redação Créditopara.Vc, 3 de março de 2021 - 06:00.

Muitas pessoas já tiveram problemas com depósitos realizados em envelope nos caixas eletrônicos das agências bancárias, nos quais o dinheiro não foi creditado na conta do beneficiário. Esta compensação não realizada pelo banco tem explicações, mas você acaba, muitas vezes, sem saber o que aconteceu ou o que fazer nessa situação.

Esse é um procedimento, aparentemente, simples e que é feito há muitos anos por um incontável número de pessoas. Quem já não fez um depósito em envelope para alguma pessoa física ou empresa? E quem já, também, não recebeu valores em suas contas por esse meio? Podemos afirmar que a maioria da população entra nessa contagem.

Então, vamos entender um pouco sobre esse assunto para que saiba quais são seus direitos e deveres nesse tipo de transação.

Por que o depósito não foi compensado?

Muitos podem ser os motivos que ocasionam a falta do crédito em conta por meio de depósitos em envelopes. Veja alguns deles.

Envelope vazio – algumas pessoas, por distração ou mesmo má fé, preenchem corretamente os dados de sua conta, efetuam o depósito do envelope, pegam o comprovante liberado pelo caixa eletrônico e, depois, enviam esse comprovante para você. Porém, quando o funcionário do banco abre o envelope, constata que ele está vazio e, portanto, o crédito não pode ser efetivado.

Notas falsas – quando o banco verifica que o envelope contém o valor correto registrado, o depósito é computado de forma imediata e, depois, as notas são verificadas. Na constatação de existir uma ou mais notas falsas, o valor correspondente não é depositado.

Depósito em cheque – sempre que é feito um depósito com um ou mais cheques, é comum o valor cair depois de alguns dias úteis. Isto ocorre porque é necessária a verificação de alguns dados, como: assinatura (se é de quem, realmente, deveria assiná-lo), se o preenchimento está correto e se a conta de origem possui fundos suficientes para cobrir o valor estipulado.

Preenchimento de dados – ao escrever no envelope, o depositante pode cometer erros ao preencher algumas informações, como número de conta do destinatário, por exemplo. Essas falhas também podem acontecer quando a pessoa digita as informações erroneamente no caixa eletrônico. Essa ocorrência faz com que seja impossível identificar a pessoa que deveria receber o dinheiro e quem depositou não recebe nenhuma notificação sobre seu erro.

Quanto tempo leva para um depósito cair em minha conta

Se o depósito for feito diretamente no caixa de atendimento da agência, valores em dinheiro caem imediatamente e, em cheques, o crédito pode levar até 72 horas, devido ao processo de verificação normal dos bancos.

Já no caso dos depósitos em envelopes, os critérios para a compensação são:

Para depósitos em dinheiro feitos até às 16h, o valor é creditado até o final do dia útil seguinte. Após esse horário, o crédito é feito em dois dias úteis.

Para depósitos em cheque feitos até às 16h, a compensação é realizada em até 72 horas. Após esse horário, acrescente mais um dia útil ao prazo de recebimento.

O prazo para compensação já passou e o dinheiro não entrou na conta

Nesse caso, você deve procurar o banco para verificar o que aconteceu. Mas, não esqueça de levar o comprovante do depósito emitido pelo caixa eletrônico. Através dele, o atendente pode fazer as verificações necessárias e dar-lhe uma resposta, a qual deve ser, obrigatoriamente, rápida.

Se for constatado que você fez o depósito, mas cometeu algum erro de digitação, o banco abrirá uma solicitação de estorno para que você possa resolver o problema e ter o valor creditado. Já no caso de cheques sem fundo ou notas falsas, você não poderá receber o valor, pois o estorno nessas situações é proibido.